Vanessa Ananias Malacrida Poetisa e Educadora
Para conhecer as maravilhas das águas profundas é preciso abandonar a segurança do porto!
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

A menina e a boneca na Síria
A menina tão pequenina já não aguenta ver tanta ruina. A menina tão tristonha já não suporta essa vergonha! A menina tenta ser criança mas tem atitudes de mãe porque já lhe roubaram a infancia!
No meio da guerra sangrenta em um fevereiro fatal a menina tenta esconder da boneca o quanto o ser humano pode ser mal! Que cena arrepiante, a foto fala por si só. A menina toda coberta de pó, sozinha, ela e sua  boneca, e sua dor, e seu horror, e seu pavor.... mas sozinha, na Síria!
Um criança em tenra infância tem mais amor e coragem que o mundo  todo junto, porque ela fez com sua boneca o que gostaria que fizessem por ela. A menina fez o que estava ao seu alcance para proteger.
Mas, essa menina, sem querer, mostrou ao mundo o que ele tem feito! De olhos fechados seguimos não querendo ver, para nada ter que fazer!
Mas é triste o fato de que, se não estamos vendo, as coisas não deixam de acontecer!
A menina tapa os olhos da boneca, mas quem, (ou o quê?)  está a tapar os nossos olhos?
Vanessa Ananias Malacrida
Enviado por Vanessa Ananias Malacrida em 05/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários